A instalação de um hospital geriátrico em Florianópolis é uma possibilidade criada na viagem da missão da Rota Italiana de SC ao Vêneto

525

UMA CENTRAL DE DESTINAÇÃO DO LIXO HOSPITALAR NA REGIÃO DA ROTA É OUTRA POSSIBILIDADE


CURITIBA – PR – A construção de um hospital geriátrico em Florianópolis-SC, há muito reclamado pela sociedade, tornou-se uma possibilidade concreta durante a viagem da Missão de prefeitos, empresários, técnicos e políticos da Rota Italiana à Itália, de 7 a 19 últimos. A comitiva visitou a empresa “Guerrato S.p.A. Impianti Tecnologici Speciali”, de Rovigo (Província do Vêneto) e o assunto foi tratado entre a direção daquela empresa e o assessor da Secretaria de Cultura Turismo e Esporte, Ozeas Mafra Filho, que acompanhava a delegação. A Guerrato é lider na realização de projetos tecnológicos especiais e é responsável pela reforma ou construção de grande número de hospitais em toda a Itália, além de diversos países no exterior. A empresa pode tanto projetar e construir como financiar total ou parcialmente a própria construção, assumindo ou não a administração dos complexos hospitalares. Da mesma Secretaria, integrava a comitiva também o diretor de Fundos, Gerson Hulbert, além de Fausto Silva, da Secretaria Especial de Articulação Internacional. Outra possibilidade, segundo o presidente da Câmara Italiana de Santa Catarina, Renato Marins, seria a instalação de uma central de destinação para o lixo hospitalar em toda a área da Rota Italiana, composta por 15 municípios do Meio-Oeste catarinense, conjugada com a geração de energia elétrica.