Embaixador Bernardini visita fábrica de iates em Santa Catarina

0
621
O cônsul geral da Itália no Paraná e Santa Catarina Enrico Mora, o embaixador da Itália no Brasil Antônio Bernardini com o CEO da Azimut Yachts do Brasil Davide Breviglieri e o diretor industrial da Azimut Yachts Roberto Paião. (Foto Divulgação)

Como havia prometido em sua primeira visita extra-oficial aos Estados do Paraná e Santa Catarina, o embaixador da Itália no Brasil, Antonio Bernardini, voltou à jurisdição consular de Curitiba em março: ele esteve ontem (28/03) em Itajaí-SC, acompanhado do cônsul Enrico Mora, para uma visita à fábrica da empresa italiana Azimut Yachts, segundo acaba de divulgar a agência Rotas de Comunicação.

Bernardini foi conhecer – segundo a agência – “a única unidade de produção do Grupo italiano Azimut-Benetti fora da Itália”, numa visita coordenada pela Câmara Italiana de Comércio e Indústria de Santa Catarina, com o objetivo de “estreitar o relacionamento das autoridades com o estaleiro por se tratar de uma empresa italiana sediada no Brasil. Eles conhecerem de perto o processo produtivo dentro da fábrica”. A unidade funciona desde 2010 e produz embarcações de 40 a 95 pés “com a mesma excelência e qualidade da matriz italiana”.

O embaixador foi recepcionado pelo CEO da Azimut do Brasil Davide Breviglieri, juntamente com o diretor comercial Francesco Caputo e o diretor industrial Roberto Paião. “A visita à fábrica – disse Bernardini segundo escreveu a agência – foi uma experiência incrível. Foi a primeira vez que vi algo ser feito dessa forma. É uma emoção ver como um objeto de desejo é produzido. Além disso, durante a visita, pude observar o entusiasmo dos trabalhadores na fabricação, porque não é somente um produto, mas um sonho que está sendo produzido. A capacidade se manifesta com a energia e o empenho das pessoas, e a sensação de orgulho em participar da produção de um barco

Dentro do valor de produção de 221 milhões de Euros do Grupo Azimut-Benetti nos primeiros quatro meses do ano náutico (setembro a dezembro de 2016), o melhor desempenho em vendas foi o da fábrica no Brasil, com 28% de crescimento, segundo divulga a empresa.

Não há outras informações sobre a visita do embaixador Bernardini ao Estado de Santa Catarina.