Fausto Longo agradece votos no Brasil, mas silencia sobre sua função como deputado no Parlamento italiano

220

Ao agradecer os eleitores que “depositaram suas esperanças, coragem e confiança, nas propostas, nos sonhos e bandeiras que carregamos nessa jornada”, o deputado ítalo-brasileiro Fausto Longo (PD) omite, em seu perfil no Facebook, qualquer referência à continuidade de seu trabalho no Parlamento italiano, onde conquistou uma cadeira nas eleições de março último.

Longo ambicionava uma cadeira na Câmara dos Deputados, em Brasília, através do MDB mas, obtendo apenas 9.042 votos, não se elegeu. Para o Parlamento italiano, Longo obteve 9.431 votos. Na legislatura passada, ele era Senador.

“O processo eleitoral é sempre uma travessia – escreveu ele em seu perfil -, exige de todos os envolvidos garra e determinação, mais que isso, crença nos ideais, nos sonhos, na capacidade de superação. Todos nos envolvemos, mergulhamos com coragem e ousadia porque vislumbramos, com esperança, um horizonte melhor, um futuro melhor e acreditamos sermos capazes de contribuir para a construção desse amanhã”

Procurado por Insieme, inclusive em seu e-mail oficial no Parlamento Italiano, que acusou recebimento da solicitação, Longo não respondeu às perguntas feitas, nem deu retorno. O parlamentar foi alvo de duras críticas nas redes sociais e também por parte da mídia italiana desde que resolveu disputar uma cadeira na Câmara dos Deputados do Brasil. Se fosse eleito, ele iria – segundo tinha anunciado – renunciar à cadeira de que dispõe no Parlamento italiano.

No FB, Fausto diz ainda que “a energia e a vibração, o esforço e a lealdade, nos transformaram, todos e cada um de nossa equipe, numa grande família e nossa campanha se tornou uma máquina de fazer amigos. A razão e a essência da democracia é sua própria existência, renovada pela vontade que emana do povo a cada processo eleitoral, seja a favor deste ou daquele, porém, sempre soberana. Respeitá-la é inerente ao espírito republicano”.

E mais: “Agradeço a todos os que depositaram suas esperanças, coragem e confiança, nas propostas, nos sonhos e bandeiras que carregamos nessa jornada. Grato pelo apoio! Grato pelos votos! Grato pela paciência, pela tolerância e pela resistência, colocadas à prova durante esses 45 dias de boas lutas! Nossa eterna gratidão e lealdade é e será a forma, o modo e a maneira que tenho e terei para retribuir o carinho e a dedicação de todos. Muito Obrigado!”