Janete de Andrade é “Cavaliere della Repubblica” por seu trabalho divulgador da cultura musical da Itália

284

“Foi com muita alegria e emoção que recebi o reconhecimento do Governo Italiano por meu empenho em divulgar a cultura musical italiana, trazendo seus grandes mestres, músicos, cantores e instrumentistas às nossas atividades culturais, durante os últimos vinte e cinco anos”, escreveu em seu perfil no Facebook a coordenadora de música erudita da Fundação Cultural de Curitiba, Janete de Andrade, após ter sido homenageada com o título de “Cavaliere dell’Ordine della Stella d’Italia”, durante as comemorações do Dia da República Italiana em Curitiba, domingo (02/06) à noite.

A entrega da homenagem que tem a assinatura do presidente da República Italiana, Sergio Mattarella, aconteceu nas dependências da Società Giuseppe Garibaldi, e foi realizada pelo cônsul geral Raffaele Festa, o anfitrião da noite, durante a recepção que ofereceu para cerca de 300 convidados.

Após serem saudados pelo presidente da casa, Benoni Manfrin e pelo próprio Cônsul, os presentes tiveram a oportunidade de apreciar um curto concerto de piano pelo italiano Davide Dellisanti, seguido da execução de duas árias de ópera pelo tenor Richard Bauer (paulista) e pela soprano também italiana Francesca Ruospo.

A homenageada da noite, segundo ela mesma escreveu, dividiu sua alegria com sua “família biológica” e também com “a família do trabalho que desenvolvo na Capela Santa Maria, especialmente a Camerata Antiqua de Curitiba e a Fundação Cultural de Curitiba, onde compartilhamos os momentos agradáveis que usufruímos desse patrimônio mundial que é a cultura italiana”.

Janete de Andrade e seus “familiares” de sangue e de trabalho. (Foto Desiderio Peron / Revista Insieme)

“Realizar esse trabalho sempre foi para mim motivo de prazer e entusiasmo, trazendo-me momentos indescritíveis de muita satisfação”, escreveu ainda a homenageada da noite em discurso durante o qual agradeceu por sua homenagem.

O presidente do Instituto Curitiba de Arte e Cultura – Iac, Marino Galvão Jr confraternizou-se com Janete expressando seu “orgulho por fazer parte de um pedaço de seu brilhante caminho, trabalhando em benefício da arte e da cultura” e desejando que “o reconhecimento de teu trabalho nos traga o melhor de ti, hoje e sempre”.

Janete Andrade, segundo currículo divulgado pela internet, iniciou seus estudos de música na Escola de Música e Belas Artes do Paraná. Foi integrante do Conjunto Renascentista de Curitiba, dirigido por Eunice Brandão, e do Studium Musicae. Em 1985, embarcou para a Europa, iniciando seus estudos de Música Antiga na Schola Cantorum Basilensis, Basel Suíça, especializando-se em Música Medieval e Barroca, onde permaneceu durante seis anos. Participou de workshops e cursos de extensão na Alemanha, Holanda, Suíça e França.

Atuou como primeiro oboísta na Orquestra da Sociedade Bach de São Paulo. Foi solista da Camerata Antiqua de Curitiba, sob a regência do maestro Roberto de Regina. Participou como professora de diversos festivais de música no Brasil, como: Festival de Música de Londrina, Oficina de Música de Curitiba, Festival de Música de Cascavel, Festival de Coros dos Meninos Cantores em Novo Hamburgo-RS.

Ela também trabalhou na Secretaria de Estado da Cultura do Paraná como assessora de música, sendo responsável pelos principais projetos musicais pedagógicos e artísticos no Estado. Desde o ano 2001, Janete é responsável por todos os projetos de música ligados à Fundação Cultural de Curitiba, nos quais encontram-se sob sua responsabilidade a Camerata Antiqua de Curitiba, Conservatório de Música Popular Brasileira de Curitiba e a Oficina de Música de Curitiba.