Pedrinho Culpi (E) com seu grupo 'Allegri Musicanti' nos estudios da Radio Colombo, em 04/07/2010) Foto Desiderio Peron / Arquivo Insieme)

Aos 80 anos de idade, faleceu hoje, em Curitiba, Pedrinho Culpi, referência da italianidade imigrante em Santa Felicidade e em todo o Sul do Brasil. A notícia foi publicada pelo filho Cézar Augusto Culpi em sua página do Facebook na manhã deste sábado, anunciando que “a voz do nosso ícone se calou!”. O sepultamento será amanhã, domingo, no cemitério paroquial de Santa Felicidade.

Culpi era a segunda geração de imigrantes e durante mais de trinta anos deu voz a um programa radiofônico chamado “Revivere L’Italia”, que ia ao ar aos domingos, a partir da hora do almoço. Décimo filho de um casal de agricultores, era funcionário aposentado do Hospital de Clínicas, em Curitiba, onde entrou com a ajuda de uma antiga cliente de produtos agrícolas que ele e sua família transportavam da colônia para o Largo da Ordem, no centro da cidade. “Isso transformou minha vida”, declarou Pedrinho Culpi durante uma entrevista concedida em 2012. “Costumo dizer que nunca sentei nos bancos de uma faculdade, mas o hospital foi uma verdadeira universidade para mim”, dizia ainda na mesma entrevista.

PATROCINANDO SUA LEITURA

Foi no HC que Culpi, já adulto, deu sequência a seus estudos. Apelidado pelo capelão, Padre Olindo Mugnon, de “italiano”, ele aproveitou todas as oportunidades oferecidas. Daí, além do programa radiofônico por ele criado e teimosamente mantido ao longo dos anos, partiu para a difusão das tradições folclóricas italianas herdadas pela família. Fundou e manteve diversos grupos musicais (entre eles o quartelo ‘Allegri Musicanti’ e ‘I Veneti in Brasile’) onde a regra era a alegria e que milhares de frequentadores dos restaurantes de Santa Felicidade puderam conhecer e admirar e com os quais percorreu muitas cidades do Sul do Brasil em apresentações.

Nos últimos anos, depois de enfrentar problemas cardíacos, o programa radiofônico era conduzido, antes de fechar definitivamente em 2018, pelo filho Cézar.

No começo da tarde, o grupo Whatsapp da Assodita – Associação dos Difusores do Talian – registrava: Neste sábado, 19/09/2020, deixou-nos um dos grandes ícones da cultura italiana no Paraná: Pedrinho Culpi. Uma vida dedicada à música folclórica, às tradições vênetas, ao programa de rádio ‘Revivere L’Italia’, à valorização da colônia de Santa Felicidade, em Curitiba. Nossos sentimentos de pesar aos familiares e amigos.”