Entidades italianas suspendem atividades. Até “Dantedì” é cancelado. Atenção e responsabilidade no combate à pandemia

214

 

Três entidades associativas de italianos em Curitiba comunicaram na tarde de hoje a suspensão de eventos e atividades que envolvem público. A medida, segundo anunciam, têm como objetivo limitar ao máximo a possibilidade de transmissão do coronavirus Covid-19, conforme recomendações médicas amplamente divulgadas.

PATROCINANDO A SUA LEITURA

No Centro Cultural Dante Alighieri foram suspensas, a princípio até o final do mês, todas as aulas de italiano e as atividades culturais e artísticas, segundo informa a presidente Deivis Calamuci. O evento ‘Dantedì’ (Dia de Dante), programado para o próximo dia 25 em todo o mundo por ato do governo italiano, também foi suspenso. “Vamos ser responsáveis. Em virtude da pandemia de coronavirus, estão suspensas as próximas atividades do Dante Alighieri”, lê-se no comunicado assinado por Deivis e o vice-presidente Giuseppe Bertolo.

Noutro comunicado lê-se que o Centro Cultural Ítalo brasileiro Dante Alighieri, considerando a pandemia de Coronavirus e as medidas preventivas do Estado “resolve suspender todas suas atividades culturais e curso de língua italiana por 15 dias, de 17 a 31 de março, podendo ser reavaliado após esse período”. A direção diz contar “com a compreensão e colaboração de todos nesse período” e informa que “a Presidência do Dante e a Coordenação do Curso de Italiano acompanham com atenção e responsabilidade esse momento, agindo pelo bem de todos”.

Também na Sociedade Giuseppe Garibaldi, presidida por Cida Borghetti, foram suspensas as atividades que envolvem público. “Estamos tentando manter o otimismo nesta hora, tentando previnir; tivemos vários eventos cancelados agora este mês e abril e outros adiados que aconteceriam em abril e maio”, disse a secretária da entidade, Patrícia Broto.

Enquanto isso, o Círculo Trentino de Curitiba também cancelou o evento anunciado para o dia 28 próximo – o I Jantar Dançante: “A Direção do “Círcolo Trentino di Curitiba”, observando as medidas preventivas, comunica que, seguindo orientações do Ministério da Saúde, e em conformidade com o que determina o Governo do Estado e o Município, está cancelando seu evento do dia 28/03/2020. O objetivo da medida é preservar a saúde de todas as pessoas que sempre prestigiam os nossos eventos. Assim que possível passaremos uma nova data, estamos torcendo para logo toda essa situação normalize”, escreveu a presidente Fernanda Chemin.

Numa demonstração de que esta deverá ser a tendência, já ontem o Círculo Ítalo-Brasileiro de Santa Catarina, com sede em Florianópolis, também divulgou em sua página no Facebook a suspensão de todas as suas atividades. “Comunicamos que por decreto municipal, a partir do dia 17/03 – terça-feira desta semana, as aulas de italiano no Círculo Ítalo Brasileiro estão suspensas, inicialmente por duas semanas”, comunicou a direção da entidade, finalizando com um “Andrà tutto bene”, frase que percorre a Itália há dias.

Já o “Circolo Italiano di Joinville”, além de cancelar a “Noite do Associado” do próximo dia 26, que ocorre a cada mês sob a responsabilidade de uma das dez comunidades italianas da cidade, cancelou também a exposição sobre miniaturas de instrumentos de guerra de Leonardo Da Vinci, relocando-a para a secretaria, e também das aulas, que passam a se desenvolver “online”, segundo informou há pouco a secretária da entidade, Ilda Chaia.

Também o CCI – Centro di Cultura Italiana, de Curitiba, suspendeu suas atividades. “As aulas já estão suspensas e o administrativo entra em férias coletivas antecipadas por 15 dias… espero que seja o suficiente!:, disse Lya Cividini, do setor administrativo da entidade. Em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, a entidade Acirs – Curso de Língua e Cultura Italianas também suspendeu suas atividades “em respeito aos decretos do Governo Municipal”, escreveu e sua página Facebook a presidente da entidade, Maria Cristina Francescdhi.