Empresas italianas do Brasil garantem recuperação de três praças com importantes obras de arte em SP

0
415
Monumento a Carlos Gomes/Fonte dos Desejos, na Praça Ramos de Azevedo. (Foto Béria L. Rodríguez/wikimedia)

Três importantes praças da cidade de São Paulo que evocam italianidade – a Ramos de Azevedo, a Cidade de Milão e a do Imigrante Italiano – serão totalmente recuperadas com dinheiro de empresas italianas que operam no Brasil, segundo anúncio oficial conjunto feito hoje na capital paulista pelo prefeito da cidade, João Doria, pelo embaixador da Itália no Brasil, Antonio Bernardini, e pelo cônsul da jurisdição de São Paulo, Michele Pala. A Praça de Milão é o mais palpável sinal do antigo “gemellaggio” entre a capital paulista e a cidade italiana.

As três obras que compõem o projeto “Italia per San Paolo” exigirão investimento total de cerca de cinco milhões de reais e estarão prontas até dezembro, segundo divulgou a Secretaria Especial de Comunicação da Prefeitura de São Paulo, e devolverão o original explendor dos logradouros que, com o passar do tempo foram degradados, embora contenham obras de interesse artístico e histórico.

“Uma parceria com empresários ligados à comunidade italiana irá recuperar três importantes espaços da cidade de São Paulo”, divulgou a Prefeitura de SP, acrescentando que “as ações foram idealizadas pela Embaixada da Itália, pelo Consulado da Itália em São Paulo e pela ITA – Italian Trade Agency” – uma agência do governo italiano que tem a missão de promover o intercâmbio comercial e tecnológico entre a Itália e os demais países.

Segundo a mesma fonte “participam da iniciativa as empresas e representantes da comunidade italiana local: Comolatti, Geodata, Luigi Bauducco, Pirelli, Sandra Papaiz, Prysmian, Tim, Enel, Grupo Gavio, BCF Solutions, Graziella Matarazzo Leonetti, Andrea Matarazzo, GM Venture, IED, Colégio Dante Alighieri, Intesa Sanpaolo, Magnetti Marelli, Lia Bridelli, Azimut, Papaiz Participações, Tozzini Freire e Zaraplast”.

Conforme anuncia a Prefeitura de São Paulo, as obras em restauração são as seguintes:

O anúncio da parceria para recuperação de praças em São Paulo, na Sala de Imprensa da Prefeitura. (Foto Heloisa Ballarini/Secon).

Praça Ramos de Azevedo – Com a iniciativa será restaurado um dos mais importantes ícones arquitetônicos da cidade. A obra contém um rico conjunto escultórico, todo realizado na Itália e composto por elementos ligados a personagens das óperas de Carlos Gomes, cuja estátua figura no nível mais alto. Quase 100 anos depois de sua inauguração, novos elementos da comunidade italiana, que fez de São Paulo uma pequena Itália, devolverão aos paulistanos um de seus espaços mais ricos de história.

Serão investidos neste local R$ 3,7 milhões para a reposição de pedras, troca de mármores, iluminação, troca dos bancos, instalação de wifi e novo paisagismo. A “Fonte dos Desejos – Glória”, presente da comunidade italiana à cidade de São Paulo e ao Brasil, por ocasião do primeiro centenário da independência, foi reativada após ter a bomba de água recuperada e os bicos que jorram água desentupidos. Agora ela será limpa, restaurada e receberá iluminação especial. A praça ficará pronta em dezembro.

Praça Cidade de Milão – A Praça Cidade de Milão, na Avenida República do Líbano, também será revitalizada. O projeto terá o investimento de R$ 1,2 milhão. Entre as intervenções previstas estão a restauração de quatro monumentos, que são reproduções de esculturas de Michelangelo, e uma iluminação especial para cada um deles. A praça foi inaugurada em 1962 após as cidades de Milão e São Paulo se tornarem “cidades gêmeas” por meio de um acordo firmado naquele ano.

Como elemento central, a Praça possui uma fonte ladeada por réplicas de quatro estátuas do gênio renascentista Michelangelo. A fonte será restaurada, ganhando novo projeto luminotécnico e um novo entorno que convidará os pedestres a admirarem o espaço. O projeto tem autoria do Instituto Europeu de Design (IED) e a obra, que deverá ser concluída em outubro, será doada pela Pirelli, presente no Brasil desde 1929.

Praça do Imigrante Italiano – Localizada entre as avenidas Cidade Jardim e Nove de Julho, em Pinheiros, a Praça do Imigrante Italiano receberá restauro e reposição de pedras são tomé, limpeza de muretas, do piso e jardinagem. O monumento do artista Galileo Emendabili será restaurado e terá o mármore do pedestal trocado. Serão instalados novos refletores LED no perímetro da seringueira que ocupa o centro da praça e uma nova iluminação para o monumento.

A previsão de custos para a revitalização da praça é de cerca de R$ 110 mil arcados por meio de um esforço conjunto entre Comolatti, Luigi Bauducco e Papaiz Participações. O local deve ser concluído já em agosto.