Medalha Farroupilha ao cônsul italiano Nicola Occhipinti; governador José Ivo Sartori será “Comendatore”

0
267
O cônsul Nicola Occhipinti: em quatro anos, número de cidadãos registrados cresceu 20% no RS. (Foto Desiderio Peron / Arquivo Revista Insieme)

Com a presença do embaixador da Itália no Brasil, Antonio Bernardini, o cônsul da Itália em Porto Alegre, Nicola Occhipinti, será homenageado na próxima segunda-feira (30) com a Medalha do Mérito Farroupilha, durante solenidade marcada para as 16 horas no “salão Júlio de Castilhos” da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul.

No mesmo dia, durante jantar no Palácio Piratini, às 19h30min, o governador José Ivo  Sartori também será homenageado pelo embaixador Bernardini com a entrega da condecoração de “Commendatore”.

A proposta da concessão da honraria a Occhipinti partiu do deputado João Reinelli, segundo informa o presidente do Legislativo gaúcho, deputado Edegar Pretto.

Ao comunicar os amigos e convidá-los para a solenidade, Occhipinti se diz honrado por ser “o primeiro Cônsul em Porto Alegre, o oitavo cidadão não brasileiro e o primeiro cidadão italiano na história” a ser premiado com a máxima distinção outorgada pelo Poder Legislativo gaúcho. Ele classifica a oportunidade como “emocionante e gratificante”.

Em seu convite, o cônsul Occhipinti faz um “breve relato” de suas atividades desde quando chegou em Porto Alegre, em 2014. Segundo ele descreve, naquela época, o número total de cidadãos cadastrados no consulado “era 66.723. Atualmente este total é de 83.000, portanto 16.277 novos cidadãos, representando assim um aumento global de mais de 20% em menos de quatro anos”.

Isto porque – explica Occhipinti – ele “acredita que os descendentes de Italianos no RS constituem um inestimável capital humano que a Itália precisa valorizar através do reconhecimento da cidadania, eles potencializam oportunidades econômicas e fomentam os negócios”.

Em seu relato, o cônsul lembra que “por conta disso, em 2014 a Câmara de Comércio Italiana no Rio Grande do Sul – CCIRS estabeleceu-se junto à sede do Consulado-Geral”, gerando, “como resultado, sinergias entre o setor público e privado” que “renderam frutos que levaram a um aumento também no número de sócios da CCIRS que eram 21 para os atuais mais 200”.

Occhipinti observa que “tudo isso contribui para reforçar os laços econômicos e culturais entre Rio Grande do Sul e Itália, bem como entre Brasil e Europa”, aduzindo ainda que “em 2017 o Consulado-Geral da Italia em POA está quebrando os recordes históricos tanto em termos de reconhecimento de cidadania como de emissão de passaportes”, e que “a pagina Facebook do Consulado-Geral chegou a mais de 40.300 curtidas”, com “mais de 4,2 milhões de pessoas em um ano (outubro 2016-2017)”.